35 curiosidades sobre a Copa do Mundo para os amantes do futebol

Escrito por Flávia Resende

De quatro em quatro anos o mundo para para acompanhar aquele que é o maior evento esportivo mundial: a Copa do Mundo. Até mesmo quem não é muito fã de futebol, acaba sendo contagiado pelo clima de festa e disputa, e deseja ver a seleção do seu país trazer a taça para casa. Com o grande número de jogos, não é possível acompanhar tudo que acontece no campo e fora dele. Você sabe, por exemplo, qual é a idade do jogador mais jovem a entrar em campo em uma Copa? Confira essa e outras várias curiosidades sobre a Copa do Mundo que vão te surpreender.

1. Primeira Copa do Mundo

iStock

A primeira Copa do Mundo aconteceu em Montevidéu, no Uruguai, em 1930. O Mundial foi disputado por apenas 14 seleções. A final foi disputada por Argentina e Uruguai e o país sede foi quem venceu a partida e se tornou a primeira seleção a ganhar uma Copa.

2. Única seleção a disputar todas as Copas

A seleção brasileira é a única a disputar todas as Copas e a que mais tem títulos, cinco: 1958 (Suécia), 1962 (Chile), 1970 (México), 1994 (Estados Unidos) e 2002 (Coreia do Sul e Japão).

3. Taça Jules Rimet

Nome dado à taça confeccionada para ser entregue à seleção vencedora da Copa do Mundo. Depois, quando o Brasil se tornou tricampeão, ganhou o direito de ter a posse definitiva da taça.

4. Primeiro roubo da taça

Como a Inglaterra sediaria a Copa de 1966, a taça Jules Rimet foi colocada em exposição em Londres. No dia 20 de março de 1966 ela foi roubada e, sete dias depois, foi localizada por um cachorro em uma praça enrolada em um jornal.

5. O que acontece com a taça da Copa do Mundo depois da comemoração

iStock

Uma seleção é campeã, a taça é levada para todas as comemorações e o que acontece em sequência? Logo depois, o objeto de desejo dos jogadores segue para a cidade de Paderno Dugnano, na região metropolitana de Milão, na Itália, onde é gravado o nome da última seleção campeã.

6. Jogador jogou usando óculos

Na Copa de 1934, na Itália, o jogador Leopold Kielholz, da Suíça, jogou usando óculos e, surpreendentemente, conseguiu marcar três gols.

7. Jogador com deficiência física

Na Copa de 1930, no Uruguai, o uruguaio Héctor Castro não possuía uma das mãos. Ele ganhou o apelido de O Divino Manco devido à sua habilidade com a bola no pé.

8. Troca do Hino Nacional Brasileiro

Na Copa de 1986, no México, 1986, todos aguardavam a execução do Hino Nacional Brasileiro, entretanto foi executado o Hino à Bandeira.

9. Uma das Copas mais violentas

A Copa do Mundo de 1962, no Chile, foi uma das mais violentas de todos os tempos. Isso porque jogadas violentas deixaram cerca de 50 jogadores com contusões nos cinco primeiros dias da competição.

10. Maior goleada

iStock

A maior goleada da história da Copa do Mundo aconteceu em 1982 na Espanha. El Salvador foi goleado pela Hungria por 10 a 1.

11. A Copa foi interrompida por oito anos

Desde seu início em 1930, a Copa apenas não foi realizada nos anos de 1942 e 1946 por causa da Segunda Guerra Mundial.

12. O jogador mais jovem

O irlandês Norman Whiteside é o jogador mais jovem a jogar uma partida de Copa do Mundo. Com apenas 17 anos ele jogou na Copa de 1982, na Espanha.

13. Apenas oito países já foram campeões

O Brasil é a única seleção pentacampeã. Em seguida vem Alemanha e Itália, com quatro títulos cada. O Uruguai, a Argentina e a França têm dois títulos cada. Já a a Espanha e a Inglaterra ganharam o Mundial uma vez cada.

14. Maior número de gols contra

A Copa do Mundo da Rússia teve o maior número de gols contra de todas as Copas: 12. O último foi marcado por Fernandinho no jogo Brasil x Bélgica nas quartas de final.

15. A edição mais cara

iStock

A Copa do Mundo da Rússia foi a mais cara da história. No total foram gastos R$ 14,2 bilhões.

16. O uso do VAR

A Copa da Rússia também ganhou destaque por ser a primeira Copa em que o VAR (Árbitro Assistente de Vídeo, em português) foi usado. Uma novidade que não agradou a todos.

17. Maior número de pênaltis marcados

Na Copa do Mundo da Rússia também foi quebrado o recorde de pênaltis marcados em uma edição. Com a ajuda do VAR, 28 pênaltis foram marcados.

18. Árbitro esquece do tempo

Na final da Copa do Mundo de 1990, na Itália, o árbitro simplesmente se esqueceu de conferir o tempo no relógio. Com isso, no primeiro tempo, ele deixou a bola rolar até aos 53 minutos.

19. Uso dos cartões

A Copa do Mundo de 1970, no México, inaugurou o uso dos cartões amarelo e vermelho. Os cartões foram adotados para resolver o problema de comunicação entre árbitros e jogadores, que teve seu ápice durante o jogo entre Inglaterra e Argentina na Copa de 66. Com três idiomas em campo, inglês, espanhol e alemão (árbitro), o caos se instalou.

20. Jogador mais velho

O goleiro egípcio Essam El-Hadary disputou a Copa da Rússia com 45 anos, tornando-se o jogador mais velho a disputar um jogo de Mundial.

21. O jogador mais jovem a marcar gol em uma final

Pelé ainda não tinha feito 18 anos quando marcou um gol na final da Copa de 1958, edição em que o Brasil foi campeão pela primeira vez.

22. Campeões como jogadores e técnicos

Apenas três pessoas conseguiram o feito de se tornarem campeões jogando e dirigindo uma seleção: Zagallo (Brasil), Franz Beckenbauer (Alemanha) e Didier Deschamps (França).

23. Taça atual

O troféu atual foi inaugurado em 1974. Ele é todo feito com ouro de 18 quilates e é representado por duas figuras humanas segurando a Terra.

24. Árbitro trapalhão

Já viu um árbitro apresentar o cartão amarelo três vezes para o mesmo jogador? Pois é, isso aconteceu na Copa do Mundo de 2006, na Alemanha. O árbitro inglês Graham Poll se atrapalhou durante o jogo entre Croácia e Austrália e mostrou o cartão amarelo três vezes ao zagueiro croata Josip Šimunic. O árbitro cometeu o erro grave de só mostrar o cartão vermelho depois da terceira advertência ao jogador.

25. Mudança de uniforme

iStock

A seleção brasileira passou a usar o uniforme com camisa amarela e calção azul na Copa do Mundo de 1954, na Suíça. Desde 1919, a seleção usava o uniforme que consistia de camisa branca e calção azul, o mesmo usado na derrota na final da Copa de 50.

26. Perdão de expulsão de brasileiro em uma semifinal

Na semifinal da Copa do Mundo de 62, no Chile, Garrincha agrediu um jogador chileno e foi expulso, mas o comitê disciplinar da FIFA perdoou a falta do jogador depois dos pedidos de Tancredo Neves e dos presidentes João Goulart, do Brasil, e Jorge Alessandri, do Chile. Com isso, Garrincha pôde jogar a final e ajudar o Brasil a conquistar o bicampeonato.

27. Seleção campeã fora de uma Copa

A Itália não se classificou para a Copa do Mundo da Rússia. A última vez que a seleção italiana não esteve no Mundial havia sido em 1958, na Suécia.

28. Final que mais se repetiu

Argentina e Alemanha são as seleções que mais se encontraram em finais de Copa, em 1986, 1990 e 2014.

29. Países que perderam uma final em casa

Brasil e Suécia são os únicos países que sediaram o campeonato e perderam em casa. O Brasil, em 1950, e Suécia, em 1958.

30. Técnico que mais participou de Copas

Na Copa do Mundo de 2018, Óscar Tabárez, técnico do Uruguai, participou de sua quarta Copa, tornando-se o técnico que mais participou de Mundiais.

31. Seleção que mais empatou com placar de 0 a 0

O título vaia para a Inglaterra. Onze dos 62 jogos que a seleção disputou terminaram sem gols.

32. Motivo de jogos acontecerem no mesmo horário

Essa medida foi adotada a partir da Copa de 86 para evitar a manipulação de resultados, fato que aconteceu em jogos decisivos na Copa de 82.

33. Menor número de gols marcados

A Copa da África do Sul, em 2010, teve o menor saldo de gols de todas as Copas: 145.

34. Maior número de gols marcados

Já a Copa da França, em 1998, e a Copa do Brasil, em 2014, foram as edições com maior saldo de gols: 171 cada.

35. País africano com mais participações em Copas

Com a Copa de 2018, a Nigéria completou seis participações em Copas.

As curiosidades sobre a Copa do Mundo mostram como o futebol vem evoluindo e como a cada nova edição do Mundial várias novidades e polêmicas surgem em campo e nos bastidores. Quais surpresas a próxima Copa do Mundo, no Catar, em 2022, reserva para o mundo do futebol?

E se você é fã de esportes, veja 15 aplicativos de exercícios para você não ficar mais parado.