20 maiores rios do mundo que impressionam pela grandeza

Escrito por Jonara Cordova

Você já se perguntou quais são os maiores rios do mundo? É difícil definir com precisão, já que entre os pesquisadores existem muitas controvérsias em relação a extensão dos rios. No entanto, é possível ter uma noção do tamanho dos rios, a partir de diversos estudos já feitos. Confira, abaixo, os prováveis 20 maiores rios do mundo.

20. Yukon – 3.180 km (Canadá)

Com sua nascente localizada no Canadá, o vigésimo colocado entre os maiores rios do mundo é o Yukon. Ele passa pela Colúmbia Britânica e pelo Yukon, chegando no Alasca, nos EUA, e desembocando no mar de Bering. A palavra Yukon significa “grande rio” em um dialeto aborígene. O rio é um dos maiores da América do Norte.

19. Purus – 3.211 km (Peru)

O Purus é um rio que nasce na Serra da Contamana, no Peru, e percorre o nordeste do país, chegando nos estados do Acre e Amazonas, no Brasil. Com curvas fechadas e sinuosas, o rio tem mais de 3.200 quilômetros, passando por cerca de 21 municípios brasileiros.

18. Madeira – 3.380 km (Bolívia)

O rio Madeira nasce na Bolívia, com o nome de rio Beni. Então ele segue pelas cordilheiras, passando pelo Peru, na direção norte, e se tornando rio Madeira, já no Brasil. Seu nome se dá por conta do período de chuvas, em que o nível de água do rio sobe e inunda, trazendo troncos de madeira para a sua margem.

17. Shatt Al-Arab-Eufrates – 3.596 km (Iraque)

O Shatt Al-Arab-Eufrates é um rio que fica no Oriente Médio e é formado pela união dos rios Tigre e Eufrates. Ele percorre o Iraque, a Turquia e a Síria. Atualmente, a parte localizada na cidade de Basra, a maior do Iraque, está extremamente poluída. A situação ameaça os moradores do local, pois não existe um sistema efetivo de tratamento da água.

16. Volga – 3.645 km (Rússia)

O rio Volga, que além de estar entre os maiores rios do mundo, também é o mais longo da Europa, tem sua nascente no planalto de Valdai, localizado no norte da Rússia. Ele segue por mais de 3.600 quilômetros pela planície russa, desaguando no mar Cáspio. Ligando diversos mares como Negro, Báltico, entre outros, o rio é uma via fluvial bastante importante para o transporte comercial.

15. Murray-Darling – 3.672 km (Austrália)

O rio Murray-Darling fica localizado na Austrália, sendo o mais longo e uma das áreas agrícolas mais importantes do país. A fauna e flora nativas do local é feita de um valioso patrimônio natural. O rio drena as terras dos estados de Victoria, de Nova Gales do Sul, além do sul de Queensland.

14. Níger – 4.200 km (fronteira de Guiné com Serra Leoa)

O rio Níger é um dos maiores rios do mundo e o terceiro mais extenso do continente africano. Sua nascente fica em montanhas, na fronteira entre a Guiné e a Serra Leoa, passando pelo Níger, Benin e deságua no sul da Nigéria. O rio é um dos mais antigos do mundo e tem uma forma incomum, que se parece com um bumerangue.

13. Mackenzie – 4.241 km (Canadá)

O rio Mackenzie tem sua nascente no centro-leste da Colúmbia Britânica, no Canadá, com o nome de Finlay. Ele é o maior rio que flui para o Ártico a partir da América do Norte. Com seus afluentes, é considerado um dos maiores rios do mundo. O rio foi batizado com este nome por uma homenagem ao explorador Alexander Mackenzie, que esteve lá em 1789.

12. Mekong – 4.350 km (Tibete)

O Mekong fica localizado no sudeste asiático e é um dos maiores rios do mundo, além de ser o décimo mais volumoso. A sua nascente fica no Planalto do Tibete, passando pela província de Yunnan na China, e seguindo pelos países Myanmar, Tailândia, Laos, Camboja e Vietnã. A bacia do rio tem mais de 1.200 espécies de peixes, que são parte muito importante da alimentação da população.

11. Lena – 4.400 km (Rússia)

Localizado na Sibéria, dentro da Rússia, o Lena também está entre os maiores rios do mundo. A sua nascente fica nas montanhas Baikal e o seu vale é rico em recursos minerais. A foz do rio Lena fica no mar de Laptev, no oceano Ártico. Em grande parte do ano, as águas do rio permanecem congeladas.

10. Amur – 4.444 km (fronteira da Rússia com a China)

O rio Amur une a fronteira da Rússia com a República Popular da China e chega na Mongólia. Ele também é conhecido como Rio do Dragão Negro ou somente Rio Negro. A maior parte das águas desse rio é das chuvas e da neve derretida. Em alguns meses do ano, o rio Amur é navegável, e por ele ocorre o transporte de produtos manufaturados.

9. Congo – 4.700 km (República Democrática do Congo)

Considerado um dos maiores rios do mundo em extensão e o segundo maior da África, o rio Congo também é conhecido como rio Zaire. Já em volume de água, ele é o primeiro do continente africano. O rio passa por diversos países, que são: República do Congo, República Democrática do Congo, República Centro Africana, Angola, Camarões, Tanzânia, Ruanda, Zâmbia e Borundi.

8. Paraná – 4.880 km (Brasil)

O rio Paraná é o segundo maior da América do Sul, além de ser um dos maiores rios do mundo. Sua nascente fica em Minas Gerais, seguindo por outros estados do Brasil, e passando pela Argentina, Uruguai, Paraguai e Bolívia. A profundidade média do rio Paraná é de 23 metros e a máxima chega a 170 metros.

7. Ob-Irtysh – 5.410 km (Rússia)

A extensão do rio Ob-Irtysh é a mais longa da Rússia, além de ser o segundo maior sistema fluvial da Ásia. O rio se inicia na Rússia e passa pelo Cazaquistão, China e Mongólia. Ele é utilizado para irrigação, além de energia hidroelétrica e pesca, chegando a ter mais de 50 espécies de peixes diferentes.

6. Rio Amarelo – 5.464 km (China)

Considerado um dos maiores rios do mundo e o segundo mais longo da China, o rio Amarelo também pode ser chamado de Huang He ou Huang Ho. Muito importante para a economia do seu país, o rio tem terras férteis em seu vale, além de importantes jazidas minerais. Seu nome se dá por conta do lodo e de partículas de areia muito finas, que fazem sua coloração ficar amarelada.

5. Yenisei – 5.539 km (Rússia)

Localizado na Sibéria, na Rússia, o rio Yenisei nasce nas montanhas da República de Tuva. O rio costuma congelar no mês de outubro e descongela a partir do final de abril e início de maio. O rio é uma importante via navegável, sendo muito utilizado para o transporte marítimo. Espécies de peixes valiosas como o salmão, o peixe branco e esturjão podem ser encontrados no Yenisei.

4. Mississippi-Missouri – 6,275 km (Estados Unidos)

Mississippi e Missouri juntos são considerados a maior bacia hidrográfica da América do Norte. New Orleans, Minneapolis e St. Louis são algumas das cidades pelas quais o rio passa. O rio já foi bastante lamacento por carregar muita terra no seu percurso. No entanto, atualmente já existem barragens na margem, que retêm muita terra, auxiliando na irrigação.

3. Yangtze – 6.300 km (China)

O Yangtze, localizado na China, é considerado um dos maiores rios do mundo, além de ser o maior da Ásia. A sua nascente fica nos montes Kunlun e o rio se estende até ao mar da China Oriental. 20% do produto interno bruto da China é gerado pelo Delta do Yangtze. Sua água é utilizada para a irrigação, o saneamento, o transporte e a indústria. A Barragem das Três Gargantas, localizada no rio, é a maior central hidroelétrica do mundo.

2. Nilo – 6.852 km (Uganda)

O segundo entre os maiores rios do mundo é o Nilo, que tem sua nascente localizada no Lago Victoria, em Uganda. Ele passa por diversos países da África, como Sudão, Egito, Sudão do Sul, Tanzânia, Eritreia, Quênia, e República Democrática do Congo. O Nilo possui diversas cataratas e recebe diferentes nomes, conforme a região, como: Nilo Vitória, Nilo Alberto, Nilo Branco e Nilo Azul.

1. Amazonas – 6.992 km (Peru)

Considerado o primeiro lugar entre os maiores rios do mundo, o rio Amazonas tem sua nascente em Nevado Mismi, no Peru, e percorre a Colômbia, o Brasil, a Venezuela, a Bolívia, o Equador e a Guiana. Além disso, é também o rio com maior volume de água, chegando a ser cerca de 60 vezes o volume do rio Nilo. Existem mais de 2.100 espécies de peixes reconhecidos, sendo descobertas novas espécies todos os anos.

Como humanidade, nós somos muito dependentes da água doce e, por isso, todos os maiores rios do mundo, citados acima, têm um papel extremamente importante nas nossas vidas. Consumimos água diretamente, além de utilizá-la para a higiene, no desenvolvimento da agricultura e na geração de energia limpa. Portanto, precisamos preservar essa riqueza natural.